domingo, 20 de dezembro de 2015

Projeto social em prol da criança carente.


Ótimas novidades chegando...

APRESENTADOR LUCIANO HUCK, DA REDE GLOBO, ESTÁ EM IMBITUBA VISITANDO O PROJETO SOCIAL DA ESCOLINHA DE SURF DO BANANINHA

Visita do apresentador Luciano Huck ao projeto social e esportivo Escola de Surf do Bananinha, no Bairro Vila Alvorada (Aguada), em Imbituba. Daqui a pouco mais informações! 





Click no link abaixo para assistir o vídeo

https://www.facebook.com/portalahora/videos/243017173217601/?t=0


Consciência Social " Educar para a vida"




ESCOLA do BANANINHA – Surf Como Ferramenta de Desenvolvimento e Inclusão Social




















A mensalidade cobrada é ter disciplina e ir bem no colégio.Desenvolver qualquer tipo de projeto é uma das formas mais objetivas, saudáveis e lindas de se viver a vida, desde que seja algo genuíno e pro bem, é claro! Mas existem projetos e PROJETOS, assim como SERES humanos e seres HUMANOS.


























Em uma das cidades ícones do surf brasileiro, um surfista de alma e ferrenho competidor vem dando exemplo de humanidade e amor ao surf. Falamos de Imbituba – SCLeandro Elias, o Bananinha, e sua escola de surf comunitária, que insere no esporte crianças carentes e muito especiais.
É a inclusão social através da prática do surf! Não por acaso, o projeto já foi congratulado pelos campeões mundiais Mick Fanning e Adriano de Souza.
Se não bastasse o trabalho comunitário – que além de introduzir a molecada no esporte, os afasta do crime e das drogas, a Escola de Surf Amigos do Bananinha, localizada na Praia do Porto em Imbituba – SC, oferece à comunidade local aulas de surf para crianças e jovens com autismo.
O projeto já está na segunda temporada. A dedicação e evolução de alguns surfistas é surpreendente após a maior familiaridade das crianças com o mar e com as pranchas, fato que também traz ainda mais confiança aos voluntários.
Segundo Bananinha, trabalhar com essas crianças o fez ver o mundo através de outra perspectiva: “Descobri que nossas vidas tem valores diferentes, eu Leandro Elias, Bananinha, senti o maior prazer de estar ao alcance dos autistas! Me inserir na história deles me ajuda a valorizar cada dia da minha vida.



IMG_3753
Se tivéssemos mais Bananinhas, o mundo seria um lugar melhor. Foto Amilton Medeiros

É muito importante a inclusão de vida social na vida dessas crianças! Ver elas no surf nos leva a sonhar…
Nossa vida fica cheia de alegria e de emoções com a sinceridade do sorriso e do abraço forte no pescoço. Não tem dinheiro que pague o amor que estou vivendo nesse mar de onda azul…”.
As aulas de surf com os autistas fazem parte do projeto Onda Azul em parceria com a Amai de Imbituba. O projeto também ocorre em praias de Florianópolis (SC) e São Sebastião (SP).



IMG_9842
Emoção e sorriso que não se pagam.

A escola de surf amigos do Bananinha tem o objetivo de ensinar a prática de surf para a comunidade local da Praia do Porto e de toda Imbituba. Desde 2002, o professor Bananinha exige apenas boas notas no boletim escolar, todo final de ano.
Acho que o surf modifica a vida das crianças através de um esporte lindo e maravilhoso, onde, para poder praticar o surf junto a nós, só pedimos que essas crianças estudem e tirem boas notas na escola.
Durante o ano a escola recebe doações de pranchas, wetsuits e acessórios de toda comunidade, que são direcionadas às crianças carentes do projeto, como recompensas por passarem de ano.
Objetivos para 2018: “A escola está confiante no crescimento do projeto com a adesão de mais voluntários, e que dessa forma, mais crianças possam ser beneficiadas com a experiência marcante de deslizar sobres as ondas.
As aulas seguem semanalmente durante inverno e verão. Além de ensinar a prática do surf, o mais importante é a formação de bons cidadãos. Educar Para A Vida – esse é o lema da escola!”
IMG_9803
Se você quiser ajudar de alguma forma o projeto, entre em contato pelo fone/whats

Peru Full from .TV/ Virgilhera on Vimeo.

G1.globo.com/sc

Projetos sociais que envolvem a prática do surfe incentivam qualidade de vida, educação e cidadania em SC

Imbituba

O projeto social Escola de Surf do Bananinha, na Praia do Porto, em Imbituba, atende mais de 150 alunos e existe há 17 anos sob a coordenação do professor de surfe e fundador Leandro Elias, o Bananinha, de 41 anos.
“Fui morar na beira da praia, peguei minha prancha e fui surfar. Foi quando chegaram quatro adolescentes do morro da frente de casa, filhos de pescadores, entre eles usuários de droga, e me fizeram várias perguntas de como eu tinha aprendido a surfar. Diante do interesse deles, resolvi ensinar. Outros adolescentes começaram a se interessar também e isso cresceu de uma forma louca, eu nem tinha noção como podaria mudar a vida de tantas pessoas”, lembra. 
(Click na imagem para ler a matéria completa no G1.Globo.com/sc)
Escola de surfe do Bananinha (Foto: Patrício Medeiros)
De quatro alunos, em dois anos o professor passou a atender 60 e os números de interessados não pararam de crescer. “Para pobres, o surfe é um desafio, por ser um esporte caro. Mesmo assim eu me dediquei para que essas crianças conhecessem o surfe”, explica. Desde então, o surfista tem formado novos surfistas, e até atletas que vêm ganhando destaque ao participar de competições internacionais como Anderson Júnior e Giovani Picaski.
As aulas ocorrem três vezes na semana e a exigência do professor para participar das atividades é ter boas notas na escola. “Como não sou formado e tenho até a oitava série, eu cobro o boletim das crianças e incentivo dando uma roupa de borracha para quem conseguir as melhores notas. É muito gratificante notar o impacto que isso provoca na educação, pois em todos esses anos, nenhum deles repetiu o ano. Participamos da formação deles, muitos se tornaram mergulhadores profissionais e trabalham como salva-vidas.”, afirma.
Bananinha também não mede esforços para incluir altistas, surdos, mudos e pessoas com deficiência de locomoção no esporte e chega a viajar para cidades vizinhas, como Laguna, para ajudar. Ele trabalha como motorista e com o próprio dinheiro do salário ajuda nas despesas com as pranchas e parafina. Além disso, conta com doações de roupas, acessórios e promove ações de conscientização socioambiental afim de abranger toda a comunidade.
Verão Show na Praia da Vila em Imbituba

Parabéns a todos participantes

Gratidão por ter tido a oportunidade de participar do Surf Treino da Escola de Surf Bananinha, realizada no evento Verão Show na Praia da Vila em Imbituba neste último domingo (19/02/17), onde fiquei em 3° lugar na categoria Feminino Open.
Obrigado Leandro Elias, pelo apoio e incentivo, sei que tenho muito que aprender, mais o pouco que sei hoje sobre surf e campeonatos foi você que me ensinou e me ensina a cada dia, brigaduuuu meu lindo, essa primeira medalha vai para vc e minha família que me apoiam em tudo que faço.

Denize Castro
19/02/2017
  




Atenção pessoal!
No sábado teremos aula de surf só para autistas associados da AMAI as 15:00 hs!
É daquele jeito como a natureza gosta e se o tempo estiver propício!
Confirmaremos na sexta qual praia será!
Se tiver algum voluntário disposto a ajudar será bem vindo! Aí tem que estar às 14:00 hs na praia para uma conversa!


1ª ETAPA DO MARESIA SUL CATARINENSE 
DE SURF AMADOR
O evento foi um sucesso! Tempo bom, ótimas ondas, grande público, boa premiação, staff técnico extremamente qualificado e estrutura digna de evento Nível A!


15º. Campeonato de Surf da Praia do Porto esperamos vocês !!!
                          
   Realização                     Patrocínio



 TRANSMISÃO AO VIVO 


Parabéns equipe da Escolinha de Surf Bananinha

Final do campeonato galera unida Santiago, Bananinha, Gustavo e Guilherme ...


Parabéns Santiago nosso futuro Campeão



Adriano Souza (Mineirinho) apoiando o projeto Escola de Surf Bananinha... Obrigado CAMPEÃO

Mineirinho com Bananinha from .TV/ Virgilhera on Vimeo.